FLEMACON solidariza-se com SUTIMAC e repudia decisão da Argos

0
79

FLEMACON solidariza-se com SUTIMAC e repudia decisão da Argos Panamá S.A. de encerrar as operações de produção de concreto, deixando mais de cem trabalhadores sem emprego

A Federação Latino-Americana e Caribenha dos Trabalhadores da Construção, Madeira e Materiais de Construção – FLEMACON une-se aos trabalhadores organizados no Sindicato Unitário dos Trabalhadores da Indústria de Materiais para a Construction SUTIMAC na Colômbia, e repudia a política de fechamento que vem sendo implementada pela empresa Cementos Argos S.A, em plantas produtivas na América Latina e na América Central.

Sendo a Argos uma empresa multinacional em crescimento, que vem consolidando sua presença em 16 países, posicionando-se como número um na Colômbia e um das mais relevantes empresas do setor no Caribe e na América Central, e há alguns meses fechou com sucesso a transação que combina suas operações nos Estados Unidos com a Summit Materials, deixando com uma participação de 31% sendo o maior acionista. No final de 2023, obteve o valor consolidado e atingiu 2,7 bilhões de pesos, o maior de sua história.

Mas, diante desses bons resultados financeiros e operacionais ao longo de sua história, a Cementos Argos S.A tomou decisões de fechamento de fábricas, que afetam diretamente o direito fundamental para o trabalho e renda das comunidades que dependem desses processos industriais.

A FLEMACON solidariza-se com os trabalhadores e trabalhadoras da Colômbia e atingidos pelo fechamento da Cimentos Argos. E exige que a empresa reveja sua decisão e mantenha a planta em atividade e garanta o emprego e os direitos dos trabalhadores e trabalhadoras.

Saudações,

LUCÍA COSTA MAIA
Presidente da FLEMACON

COMITÉ EJECUTIVO DE LA FLEMACON